Composição Fotográfica

Neste artigo vamos fugir um pouco da parte técnica e concentrar-nos, apenas, na componente estética da fotografia. A razão pela qual tenho insistido nos aspectos mais técnicos deve-se ao facto de acreditar que, para conseguirmos atingir os resultados que pretendemos, devemos dominar completamente as ferramentas de que dispomos. No entanto, nunca nos podemos esquecer que a fotografia é uma arte e, como tal, a componente estética é da maior importância.

Sempre que tiramos uma fotografia temos de tomar várias decisões no que diz respeito à composição. Com o tempo elas vão começar a ser tomadas de uma forma mais instintiva mas é importante, numa primeira fase, fazer um esforço para pensar e ponderar os seguintes pontos:


O que incluir na imagem?



Eu gosto de pensar nesta questão ao contrário: O que excluir da imagem?

Charles Mingus, um grande compositor e músico de jazz, uma vez disse: "Tornar o simples complicado, isso é comum. Tornar o complicado simples, incrivelmente simples, isso é criatividade."

Todos os elementos da imagem vão competir entre si pelo protagonismo. Apenas devemos incluir os elementos que têm importância para a composição ou para a história a ser contada pela fotografia. Se tivermos isto em conta, iremos criar imagens com mais força e significado que vão ser mais agradáveis à vista. Desta forma, o espectador irá "absorver" a imagem de uma forma muito mais natural e não vai ter dificuldade em distinguir o motivo ou motivos principais da foto.


Como organizar e dispor os elementos na imagem?



Depois de decidirmos o que incluir, é necessário pensar a forma em que vamos dispor os elementos na fotografia. Ao contrário da imagem captada pelos nossos olhos quando presenciamos algo, uma fotografia é bi-dimensional e está limitada a uma área, normalmente um rectângulo.

Felizmente, ao longo de séculos de artes gráficas, foram sido concebidas ideias sobre como criar imagens mais agradáveis à vista. Embora estas ideias sejam frequentemente denominadas por "regras de composição", é importante perceber que são apenas sugestões. A fotografia é uma arte, não tem regras!


"Regra" dos Terços



Talvez a sugestão de composição mais conhecida. O seu conceito é bastante simples: Dividir a imagem em 3 partes horizontais e 3 partes verticais iguais.
Os elementos mais importantes da imagem devem ser colocados nas linhas ou nas suas intersecções.
(Passa o rato por cima das imagem para as veres sem as linhas)




Proporção Dourada ou Divina



Este conceito é baseado na sequência de Fibonacci, onde cada número é a soma dos dois anteriores: 0, 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34...
É fascinante a forma como esta sequência está presente na natureza e como é usada em muitas obras de pintura, escultura e arquitectura. Aconselho a ver este vídeo:



Na prática este conceito é muito parecido à "regra" dos terços - a diferença está nas proporções. Em vez de usar o rácio 1.5 é usado o rácio dourado: 1.618 (limite das divisões de cada número da série Fibonacci pelo anterior)



Com base no mesmo rácio pode ser criada a espiral dourada.





Linhas



As linhas horizontais dão a sensação de estabilidade.



Linhas diagonais ou curvas transmitem dinamismo.



Os nossos olhos têm tendência para segui-las, portanto, podemos usá-las para guiar o espectador para uma determinada zona da imagem.






Perspectiva



Alterar a perspectiva é uma das melhores formas de modificar a composição. À medida que nos aproximamos do motivo, o seu tamanho aumenta em relação aos outros elementos da imagem.




Outras ideias...



Deixar espaço na direcção do olhar/movimento do motivo principal.



Jogar com a simetria, padrões e cores.



O simples facto de nos abaixarmos pode melhorar radicalmente uma imagem.




Conclusão

Ao contrário da parte técnica, a composição é um assunto muito subjectivo. O que é bonito para uns pode não agradar a outros e acredito que é possível tirar grandes fotografias sem o mínimo conhecimento destes conceitos. No entanto, ainda que nenhuma destas ideias garanta uma boa foto, estou convencido que podem ajudar a conseguirmos melhores imagens.

Da próxima vez que tirares uma foto, antes de carregares no botão, pensa no que podes fazer para melhorar a composição. Será que podes aproveitar alguma linha ou linhas? Subir a um sítio mais alto para mudar a perspectiva? Aproximar-te? Excluir algum elemento que não seja essencial? Usar a "regra" dos terços ou a espiral dourada?



© Mário Pereira - 2012
Proibida a cópia integral ou parcial dos textos


16 comments:

Gonçalo disse...

Boas Mário, tudo nice? Posso parecer um totó lol mas no meu visor estão os traços horizontais e verticais e no meio tem um rectangulozinho para ter um foco, e a minha questão é, esses traços que falei anteriormente é da regra dos terços, certo? E se eu por exemplo como está aquela foto do cavalo, no canto inferior esquerdo nesse quadrado na cruz está centrada no olho do cavalo e fica focada? Ou tenho que por o tal rectangulozinho para esse lugar para estar focada? Já agora a minha máquina é a Nikon, para caso não saberes o que estou a referir =)
1 forte abraço!

Mário Pereira disse...

Olá Gonçalo!
Em princípio essa grelha que tens no visor é a regra dos terços e serve para ajudar na composição.

Quanto à focagem, tens basicamente duas formas: uma mais simples e outra mais precisa.

A mais simples é focar a zona desejada usando o "rectângulo" de foco e depois re-enquadrar a foto para que esse ponto fique na intersecção das linhas. O problema é que com o movimento de re-enquadrar podes alterar a distância ao plano de foco e deixar a foto desfocada.

A forma mais precisa é alterares o ponto de foco da câmara para coincidir com essa intersecção (tens de ver no manual como se faz porque varia de câmara para câmara). Assim já não tens de re-enquadrar mas tens o inconveniente de andar sempre a mudar o ponto de foco...

Abraço!

Xie Guang disse...

Sempre úteis estas informações. Bastante interessante. Obg pela partilha

Mário Pereira disse...

Obrigado pelas visitas e comentários, Xie Guang!
Abraço

Paulo L. disse...

Realmente este post foi bem interessante. Por vezes nem dou conta destes pormenores, mas aqui está mais uma dica muito boa.
Já agora, algo completamente diferente, qual é a tua opinião sobre bancos de imagens, e sites como o fotolia.
Abraço

André disse...

excelente trabalho. Este post está conciso e muito bem escrito. Agora é aproveitar as dicas e começar a clicar por esse mundo fora. já coloquei o teu blog nas sugestões do meu olharobjectivo.blogspot.com

comentaste as minhas fotos no olhares.com (André Conde Blanco)e agradeço muito por isso. não me posso classificar como fotografo amador, sou mais um amante da fotografia que aproveita todas as ocasiões para um clickzinho, quer seja com o telemóvel ou com a máquina.

Mário Pereira disse...

Paulo, nesse aspecto não te posso ajudar porque não tenho experiência com bancos de imagens. Porque não lanças a pergunta na página de discussões? http://www.facebook.com/pages/Foca-essa-Foca-Dicas-e-Tutoriais-de-Fotografia/158509167502374?sk=app_2373072738
Pode ser que algum outro colega possa partilhar alguma experiência :)

André, o importante é ter esse gosto e tentar aproveitar todas as ocasiões para registar o momento.

Um abraço aos dois e obrigado pelos comentários!

Mari Rampazzo disse...

Adorei o blog!
Parabens, estou adorando as dicas!
obrigada

rendadebilros disse...

... um fotógrafo amador muito profissional e generoso, que partilha com todos as suas dicas. Vou passar a vistar este blog mais vezes... vim aqui parar via olhares.com. Obrigada pelas suas palavras, eu sim, sou uma simples leiga... com a mania das fotos... Parabéns...

Mário Pereira disse...

Obrigado pelas palavras, rendadebilros.
Serás sempre bem-vinda!
Abraço

Mari Souza disse...

Olá
conheci o blog hoje, e por sinal, tirei umas fotos de minha cidade hoje. Naum consegui enviar direito, por isso estou tentando por comentário. O blog é ótimo. Está nos meus favoritos. Abraços
Minha cidade: Recife - PE
http://www.flickr.com/photos/m_mariarts/5809647752/in/photostream

Mário Pereira disse...

Olá Mari. Infelizmente as inscrições já terminaram.
Fica para a próxima! Abraço

olavo azevedo disse...

Boa noite Mário. Estive para aqui a dar uma vista de olhos pelo teu blog e quero dar-te os meus parabéns pelo seu conteúdo. Tens por aqui uma série de dicas técnicas de muito boa qualidade e que seguramente ajudam na arte de fotografar. Mais impressionante ainda é o facto de o fazeres graciosamente. Parabéns e um abraço

Ah! e como habitualmente se recomenda: antes de começar a fotografar ler o livro de instruções da máquina! De fio pavio!

Mário Pereira disse...

Muito obrigado pelas tuas palavras e pela visita, Olavo.
Boa dica essa do livro de instruções! Um bocado subestimado por vezes..

Um abraço

Liane Maria Klamt disse...

adorei e virei fa!

Reinilsom Veloso disse...

Conheci seu blog hoje graças ao comentário em minha foto em Olhares.Estou degustando suas dicas.
Parabéns.
Reinilsom veloso, Minas gerais- Brasil

Enviar um comentário